1001 Classificados

PEDREIRAS: “O POVO QUE É LISO, O POVO QUE É LISO.” CANTAM SERVIDORES EM TOM DE PROTESTO E IRONIA LEMBRANDO CAMPANHA ELEITORAL DO PREFEITO ANTÔNIO FRANÇA

Como realmente ficou decidido em assembleia realizada dia 04 de janeiro pelo Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Pedreiras, aconteceu na manhã de hoje 11 de janeiro, a manifestação em virtude do atraso salarial da categoria que falta receber o pagamento de dezembro do ano passado.
 A concentração ocorreu na Praça  Cinquentenário e percorreu a principal avenida da cidade, onde os servidores vestidos de preto e com faixas e cartazes, pronunciavam palavras de ordem e em tom de ironia faziam referência a música carro chefe da campanha eleitoral do prefeito Antônio França cujo refrão dizia  “o povo quer o liso,” para disputar as eleições, e que ele era o candidato que a população queria. Então os servidores começaram a cantar:” o povo que é o liso, o povo que é o liso, o povo que é o liso.”
O protesto que contou com um expressivo número de pessoas principalmente os ligados a educação, seguiu até a Praça Corrêa de Araújo e por onde  passava recebia o apoio de populares.
O senhor Frazão Oliveira  Presidente da Força Sindical no estado estava presente na manifestação e disse que tem o dever de apoiar os trabalhadores nessas  horas.” Nós estamos aqui em apoio a categoria  nas férias em praça pública, para reivindicar direitos básicos elementares que estão sendo suprimidos e isso é revoltante.” Disse ele.
O servidor público Marcos Vinícius se manifestou e  pediu o apoio da categoria, para que a mesma pudesse ser mais unida.” Nós sabemos que não são apenas essas pessoas que estão aqui que estão com salários atrasados, nós somos mais de mil servidores que estão com salários atrasados e nós falamos também pelos contratados porque eles não podem se defender, porque se vier pra luta perde o emprego.” Disse.
O vereador Elcinho que também é professor  esteve no protesto e disse que aquilo era uma vergonha, visto que os professores deveriam  preparar o no letivo de 2018, e estavam mesmo era protestando por salários. “ Isso é um absurdo, em pelo século XXl a gente ver prefeitos atrasarem salário de quem faz com que a população aprenda e estão aqui reivindicando o que é legal, isso é um absurdo.” Ponderou.   
Segundo informações  da Prefeitura de Pedreiras, o pagamento do setor da  educação relativo a  dezembro será efetivado no fim desse mês de janeiro, sendo que os contratados e seletivados de outros setores ainda não receberam nem novembro nem dezembro de 2017.
Quanto ao  salário dos  aposentados e pensionistas do município que também estava atrasado, referente a novembro do ano passado, foi pago nesse dia 10 de janeiro, faltando receber dezembro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário